Em sooretama:Pai é preso acusado de estuprar o próprio filho que é portador de deficiência mental

estupsoooEm operação policial no município de Vila Valério,na localidade de Jurama, na tarde dessa quarta-feira,( 28) Policiais Civis de Sooretama,localizam e prendem Nilton Costa,de 46 anos  vulgo “Camelo”, ele estava sendo investigado pela prática do crime de estupro.As investigações revelaram que o acusado estava abusando sexualmente do próprio filho de 20 anos,que é portador de um atraso mental.  Segundo o que foi apurado, o elemento aproveitava que a mãe e as irmãs saiam de casa, para obrigar a Vítima a manter relações sexuais  com ele; Além disso, sempre levava o rapaz para trabalhar nas lavouras de café da região e nesses locais, segundo relatou a Vítima, foi abusado sexualmente em uma propriedade rural de Rio Quartel em Linhares, em outra oportunidade em uma propriedade rural de Sooretama  e no início desse mês de setembro em uma propriedade rural na região de Jurama,em  Vila Valério.

Ainda segundo a Vítima, após os abusos ocorridos em Vila Valério, ele recusou a voltar a trabalhar com o pai na roça.

Nas apurações ainda ficou claro que o filho era constantemente ameaçada caso não se submetesse a vontade do pai e também era ameaçado para não contar nada a ninguém. As investigações sobre o caso começaram a serem feitas por conta de denúncias anônimas da comunidade pelo telefone 181.

O Delegado de Sooretama, Fabrício Luncido disse que ao comprovar a veracidade das denuncias, ante a gravidade do crime e pelo fato de que o Investigado reside na mesma casa que a Vítima em Sooretama e estaria voltando este final de semana, a policia representou pela prisão preventiva do elemento, para garantir a segurança da Vítima.

Com o mandado de prisão em mãos, os Policiais Civis de Sooretama, localizaram o Investigado no Interior de Vila Valério e cumpriram o mandado de prisão. Ao ser interrogado,o suspeito não confessou o crime, porém existem provas contundentes e suficientes contra o mesmo. Após o cumprimento do mandado de prisão “Camelo” foi encaminhado para o presídio de Xuri, Vila Velha.

Comentar esta notícia